Este blog é dedicado a compartilhar conhecimentos nas áreas de Manutencao de Computadores, Humor, Tutoriais, Internet, Noticias, Técnologia e Informatica de Modo Geral...

Medalhas Olímpicas de 2020 Serão Feitas de Eletrônicos Reciclados

Medalhas Olímpicas de Tóquio 2020 Serão Produzidas de Lixo Eletrônico Reciclado

Em agosto de 2016, o Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos de Tóquio, divulgou que as medalhas entregues aos atletas dos jogos de 2020 serão feitas de metal obtido da reciclagem de equipamentos eletrônicos como smartfones, tablets, computadores, etc. Por isso, o governo do Japão esta convocando a população para doar equipamentos inutilizados como forma de obter matéria prima para este projeto.


Os dispositivos eletrônicos em geral, contém pequenas quantidades de varios tipos de metais como ouro, prata, cobre, platina e tungstênio. Recuperar estes metais dos dispositivos depois de terem sido descartados requer um programa de reciclagem bem organizado, e é nisso que o pais vem trabalhando fortemente. 

Quanto material ?

Para produzir as 5 mil medalhas que serão distribuidas para os atletas, o Japão precisa coletar oito toneladas de metal, que após o processo de reciclagem, produzirá aproximadamente 40 kg de ouro, 4.000 kg de prata e 3.000 kg de bronze.

A Coleta

A partir de abril deste ano, caixas de coleta serão instaladas em todo o Japão em mais de 2.400 lojas NTT Docomo e escritórios públicos em todo o país. Além disso, os organizadores dos jogos olímpicos podem acabar buscando formas alternativas para alcançar o montante desejavo, como por exemplo, incentivando fabricantes japoneses e varejistas que podem ajudar, recolhendo e doando dispositivos antigos.

Comparando

Para se comparar, nos Jogos Olímpicos de Londres, foram utilizados 9,6 quilos de ouro, 1,210 quilos de prata e 700 quilos de cobre - ingrediente necessário para fazer bronze. Só em 2014, através deste processo de reciclagem,  o Japão obteve 143kg de ouro, 1.566kg de prata e 1.112 toneladas de cobre.

Koji Murofushi, diretor esportivo dos jogos de Tóquio 2020, disse: 

"Há um limite nos recursos de nossa terra, então reciclar essas coisas nos fará pensar no meio ambiente".
O principal objetivo deste projeto é promover a sustentabilidade e a reciclagem de itens comuns que contenham metais preciosos que, de outra forma, seriam altamente nocivos ao meio ambiente. 

Fontes: pcmag | techradar | pixabay

Ler mais »

Darth Vader vs Alien

Como seria o "Alien" contra Darth Vader ?



Assisti pela primeira vez o filme "Alien - O Oitavo Passageiro" em 1988 quando tinha 14 anos e mesmo sabendo que era ficção, este filme me tirou o sono. Depois de assisti-lo, passei noites seguidas sonhando com aquelas aranhas aliens aparecendo no meu quarto e os pesadelos foram constantes por um bom tempo.

Outro filme que gostei muito foi o "Star Wars" mas, quando assisti esse, me juntei a uma legião de fãs que acabaram curtindo mais o vilão que os mocinhos, e neste caso especifico, estou falando do poredoso Darth Vader. 

Estava navegando no CavemanCircus hoje e me deparei com um post interessante que mostra o trabalho do espanhol Guillem H. Poniluppi que criou uma galeria imaginando o que aconteceria se Darth Vader e sua legião de Stormtroopers fossem atacados pelos Aliens.


Pra início de conversa, seria uma luta épica! As ilustrações retratam batalhas sangrentas e brutais onde os personagens icônicos da ficção científica destroem uns aos outros.






O artista comenta que vislumbrou uma batalha onde "Os valentes soldados da 501ª Legião: Vader's Fist, o orgulho do Império, estavam lutando no planeta remoto LV-426 contra as Baratas Espaciais".





Ainda segundo o artista, "Todo soldado do 501 é mais corajoso do que dez dessas criaturas abomináveis, mas os aliens parecem que não desistir"


Imagino que os Aliens não teriam chances contra Darth Vader e seus soldados por que existe um histórico de derrotas por parte deste valente monstro. Mesmo sendo muito forte e um dos mais interessantes e destruidores personagens que existe no univérso da ficção cientifica, se seguirmos histórico, veremos que ele foi derrotado por humanos algumas veses e também pelo Predador. Aliás, essa sim seria uma batalha gigantesca.

O que você acha ? Quais seriam as chances dos Aliens contra o lado negro da força ? Ou quais seriam as chances do Predador contra Darth Vader ?


Ler mais »

Test of the new Opera "Concept" Browser

neon
It could be strange to imagine the idea of "concept" in terms of Internet browser but that is exactly what Opera itself talks about its new browser, Neon or Opera Neon. I downloaded and installed the application to test it and noticed that it loads pages faster, at least it seemed much faster to load the pages I usually access.

I liked the look without too much frills and the idea of using your desktop wallpaper as a browser background, but the sidebar, which is equivalent to the "open tabs" bar, is very large and consumes a lot of navigable space on the sites.
I have not yet figured out a way to close or hide this sidebar to widen the window space. In addition, the "alt+tab" key combination does not show the open tabs, it simply switches between them and in fact, in this new browser they are not tabs but "bubbles", which is already part of the concept idea but, they could be shown in a floating set of small bubbles that, when accessed, would open showing the options and thus save space on the navigable window once more.

On the other side of the window, the browser displays a bar that functions as the browser's "menu bar" but, like the previous one, this one consumes some space in the browseable area and could also be summarized in a small icon or a small floating bar.
The status bar follows the recent pattern of most browsers, which greatly bothers "old times" internet users like me, because sometimes we use the showed info in this bar to get important data before accessing a dubious or unknown link but, this new standard adopted by recent browsers is very short and shows less informations. For those who like to save space for navigation this is good but, on the other hand, the space used by an expanded status bar is minimal and the level of information provided by it is very useful.

What is the navigable window space?


You see, when you surf the internet, depending on the resolution of your screen, you can get a lot of space for the navigation itself. I ran a test with the most popular browsers, including Neon, to show and explain it. This test was run on my personal notebook that has the screen resolution of 1366 x 768, see the practical examples of this in the following images.

Opera Neon

Click to enlarge
  1. Address Bar
  2. One side of the browser window filled with the menu of this browser
  3. Another side of the browser windows filled with the bubblesof opened sites
  4. The small status bar

Opera

Click to enlarge
  1. Address and tabs bar
  2. One side of the browser window filled with the content of the web site
  3. Another side of the browser windows, also filled with the content of the web site
  4. The small status bar

Chrome

Click to enlarge
  1. Address and tabs bar
  2. One side of the browser window filled with the content of the web site
  3. Another side of the browser windows, also filled with the content of the web site
  4. The small status bar

Firefox

Click to enlarge
  1. Address and tabs
  2. One side of the browser window filled with the content of the web site
  3. Another side of the browser windows, also filled with the content of the web site
  4. The expanded status bar that could show more info about links

Palemoon

Click to enlarge
  1. Address and tabs bar (which is the narrowest or thinest that I get)
  2. One side of the browser window filled with the content of the web site
  3. Another side of the browser windows, also filled with the content of the web site
  4. The expanded status bar that could show more info about link
That's what I am talking about the "browseable area" of the browser. When you have a browser that can be configured with your personal preferences, you can let it take over the entire screen or you can transform the browser so that it takes up as little space as possible, making the website content more visible and accessible to you.

I need to be clear about the fact that in the cases of Firefox and Palemoon I did just that and they are not in their default format. I always use some addons in them that change their appearance and functionality by making browsers thinner and making as much space as possible to show the content of the sites, which is what interests me the most.

It is obvious that the same level of configuration can be achieved in Opera (maybe) and Chrome but, as a matter of preference, I always opt for Firefox or Palemoon.

So, is it worth it or not ?

Do not change your preferred browser yet! Many years ago, when the internet was practicing its first steps and the browser market was in hot in the "Browsers war", my favorite browser was the Opera. Over the years, I've been identifying more with Firefox and Palemoon, which are my favorite browsers nowadays.

Opera Neon seems to be very good, has interesting points in the look and the loading speed of the pages really impresses me but, it is not yet mature enough to replace your favorite browser, you can be sure of that.  
Of course, it's worth installing to test and get to know the idea, but nothing more.

*** I kindly ask you all to forgive my poor grammar and spell errors because, I'm a self taught on English and, I don't like to use google or any other online translator. I like to commit this errors and love when someone sincerely point this to me. It helps me a lot. So, feel free to enjoy this article and to corrects me ;)

Ler mais »

Teste do novo navegador conceito Opera Neon

neon
Estranho imaginar a ideia de "conceito" em termos de navegador de internet mas, é isso mesmo que a própria Opera fala a respeito do seu novo browser, o Neon ou Opera Neon. Baixei e instalei o aplicativo e de cara, já notei que o carregamento das páginas é mais rápido, pelo menos me pareceu bem mais rápido para carregar as páginas que costumo acessar.

Gostei do visual sem muitas frescuras e da ideia de usar o papel de parede do seu desktop como fundo do navegador mas, a barra lateral, que é equivalente à barra de abas abertas, é muito grande e consome muito espaço navegável dos sites.
E ainda não consegui descobrir um jeito de diminuir ou, preferencialmente, ocultar essa barra lateral para ampliar o espaço na janela. Além disso, a combinação de teclas "Alt+Tab" não mostra as abas abertas, simplesmente alterna entre elas e na verdade, neste novo browser não são abas propriamente mas "bolhas", o que já faz parte da ideia de conceito mas, elas poderiam ser mostradas em um conjunto flutuante de pequenas bolhas que, ao serem acessadas, abririam mostrando as opções e assim, economizaria espaço da janela navegável mais uma vez.

No outro extremo da janela, o navegador exibe uma barra que funciona como a "barra de menu" do browser mas, assim como a anterior, consome espaço da área navegável e também poderia se resumir em um pequeno ícone ou uma pequena barra flutuante com os ícones que já possui.
A barra de status segue o padrão recente da maioria dos navegadores, o que incomoda muito um usuário das antigas da internet como eu por que, por vezes, utilizamos os dados exibidos nessa barra para obter informações importantes antes de acessar um link duvidoso ou desconhecido mas, esse novo padrão adotado pelos browsers recentes é muito curto e mostra pouca coisa. Para quem gosta de economizar espaço para navegação isso é bom mas, por outro lado, o espaço utilizado por uma barra de status expandida é mínimo e em contra partida, o nível de informações fornecidos por ela é muito útil.

O que é o tal Espaço da Janela Navegável ?¿

Veja bem, quando você navega na internet, dependendo da resolução da sua tela, você poderá obter muito espaço para a navegação propriamente dita. Realizei um teste com os navegadores mais conhecidos, onde inclui o Neon, para mostrar e explicar isso. O teste foi executado no meu notebook pessoal que possui a resolução de tela de 1366 x 768, veja os exemplos práticos disso nas imagens a seguir.

Opera Neon

Clique na imagem para ampliar
  1. Barra de endereços
  2. Lateral da área navegável preenchida com menu de opções do browser
  3. Outra lateral da área navegável preenchida com essa larga barra de "abas"
  4. Pequena barra de status

Opera

Clique na imagem para ampliar
  1. Barra de endereços e abas
  2. Lateral da área navegável preenchida com o conteúdo do site
  3. Outra lateral da área navegável preenchida com conteúdo do site
  4. Pequena barra de status


Chrome

Clique na imagem para ampliar
  1. Barra de endereços e abas
  2. Lateral da área navegável preenchida com conteúdo do site
  3. Outra lateral da área navegável também com conteúdo do site
  4. Pequena barra de status

Firefox

Clique na imagem para ampliar
  1. Barra de endereços e abas
  2. Lateral da área navegável preenchida com conteúdo do site
  3. Outra lateral da área navegável também com conteúdo do site
  4. Barra de status expandida

Palemoon

 Clique na imagem para ampliar
  1. Barra de endereço e abas (a mais fina de todas, mesmo incluindo a barra de titulo da janela)
  2. Lateral da área navegável preenchida com conteúdo do site
  3. Outra lateral da área navegável também com conteúdo do site
  4. Barra de status expandida que consegue mostrar muito mais informações
Isso é o que eu digo sobre "área navegável" do browser. Quando você tem um browser que pode ser configurado com suas preferências pessoais, você pode deixar ele tomar conta da tela toda ou pode transformar o browser de maneira que ele ocupe menos espaço possível, deixando o conteúdo do site o mais visível e acessível para você. 

Vale notar que nos casos do Firefox e Palemoon eu fiz exatamente isso, ou seja, eles não estão no seu formato padrão. Eu utilizo sempre alguns addons neles que alteram sua aparência e funcionalidade deixando os browsers mais finos e abrindo o maior espaço possível para mostrar o conteúdo dos sites, que é o que me interessa mais. 

É óbvio que o mesmo nível de configuração pode ser atingido no Opera (talvez) e no Chrome mas, por uma questão de preferência, opto sempre pelo FFx ou Plmoon.

Compensa ou Não Compensa ?¿

Não troque o seu navegador preferencial ainda! Muitos anos atrás, quando a internet praticava seus primeiros passinhos e o mercado de navegadores estava em fervorosa em plena "Guerra dos Navegadores", meu navegador favorito era o Opera. Com o passar dos anos, fui me identificando mais com o Firefox e Palemoon, que são meus navegadores favoritos hoje em dia. O Opera Neon parece ser muito bom, tem pontos interessantes no visual e a velocidade de carregamento das páginas realmente impressiona mas, ele ainda não é maduro o suficiente para substituir seu navegador favorito, pode ter certeza disso. É claro que vale a pena instalar para testar e conhecer a ideia mas, nada além disso.

Ler mais »